Entrevistas

A importância da Educação Financeira

Entrevista com  Elaine Mello e Anceli Marcos, sócias da Pyxis, Academia de Investimentos.

Qual é a proposta da Pyxis – Academia de Investimentos?

 A Pyxis – Academia de Investimentos, uma iniciativa das sócias Elaine Mello e Anceli Marcos, pretende motivar as pessoas a tomarem atitudes que façam a diferença em sua vida financeira.  Cumprir um planejamento, ter disciplina para poupar, equilibrar ganhos e gastos, aprender a investir controlando os riscos… Tudo isso é essencial para a preservação do capital no presente e para o crescimento do patrimônio no futuro de qualquer pessoa, independente de idade, sexo e atividade profissional.

É neste escopo que a Pyxis – Academia de Investimentos atua, viabilizando aprendizado e desenvolvimento para ‘NORTEAR’ (Pyxis significa ‘bússola’ em grego…) o potencial investidor de cada um, seja um iniciante ou iniciado no controle das finanças pessoais e investimentos.

Projeto Bolsa & Batom

O ‘Bolsa & Batom, a Vez da Mulher Investidora’ é um projeto voltado às mulheres que percebem suas deficiências em administrar o próprio dinheiro e que querem desenvolver seus potenciais, adquirindo conceitos de Inteligência Financeira e conhecimentos em investimentos de renda fixa e renda variável. Neste contexto, a mulher se tornará apta a assumir com total autonomia sua vida financeira e planejar com segurança seu futuro e o de seus filhos.

Um impacto importante deste projeto está sobre cerca de 30% das mulheres que estão assumindo o papel de provedoras de suas famílias (com ou sem filhos), quando são solteiras, separadas ou viúvas.

 Importância da Educação Financeira

Quando tratamos de Educação Financeira para adultos, gostamos de aplicar o conceito de ‘Inteligência Financeira’ que visa o melhor aproveitamento do fator tempo e conhecimentos, para que a pessoa possa desenvolver seu potencial em acumular capital, multiplicar recursos e proteger o patrimônio, ou seja, equilibrar ganhos, gastos e investimentos.

É importante destacar a prática de consumo consciente, a qual permite discernir compra por necessidade de compra por impulso, pois o bom-senso nesta situação evita o desperdício e o uso descontrolado do crédito, motivando dívidas.

Quanto aos investimentos é necessário identificar o perfil investidor da pessoa, e aí a importância da Inteligência Financeira está em conhecer os diferentes tipos de investimentos que atendam ao perfil.

 Comportamento da Mulher Investidora

Por questões culturais presentes há várias gerações, a mulher sempre relegou a segundo plano sua vida financeira: primeiro ela dependia do pai enquanto solteira e após o casamento, do marido. Sempre a figura masculina.

Porém, de algumas décadas para cá, a mulher passou a ter um comportamento autônomo saindo de casa para estudar e trabalhar, além de cumprir com as várias jornadas da rotina (cuidar de si mesma, do marido, dos filhos, da casa…). Com isso vem a independência financeira em obter renda, mas não necessariamente a independência em administrar seu próprio dinheiro, o que mostra uma grande incoerência de contexto social.

E por que isso? Pesquisas indicam a mulher como um perfil extremamente conservador, receoso e pouco ativo nos investimentos e simplesmente porque lhes falta conhecimento.

Em contrapartida, quando a mulher adquire conhecimentos em investimentos somando a isso algumas características genéticas do sexo feminino (cautela, ponderação, paciência, planejamento e disciplina), ela tem uma performance superior ao homem e ainda se torna uma referência para os filhos.

– Como devemos planejar o futuro?

O planejamento adequado para o futuro da vida financeira deve contemplar vários aspectos:

  • Capital: quanto precisa de dinheiro conforme a estratégia planejada?
  • Tempo: por quanto tempo pretende aplicar seu dinheiro?
  • Portfolio: quais os tipos de investimento que o mercado oferece para diversificação?
  • Retorno: qual a rentabilidade prevista para os investimentos?
  • Liquidez: qual o tempo de retorno do dinheiro líquido na conta corrente?
  • Risco: qual a probabilidade de perdas?
  • Custos: quais as taxas cobradas em cada investimento?
  • Imposto: como é a tratativa do imposto de renda em cada investimento?
  • Conhecimento: informações básicas não sustentam decisões financeiras por toda a vida…

Anúncios

Um comentário em “A importância da Educação Financeira”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s